Crítica de Show: Dalai - part. Luiz Waack e Mauricio Pereira (06/03/2013)





Um espaço acostumado a receber shows de MPB, o Tom Jazz, teve na noite desta última quarta-feira (06) uma sonoridade diferente. Guitarra, baixo, teclado e bateria tocados num ritmo verdadeiramente rock'n'roll, que animaram o público e deram a sensação de que mesas e cadeiras estavam sobrando no lugar. Foi assim o show do Dalai, formado por Rodolfo Rodrigues, Lucas Espíndola, Gabriel Alterio e Bruno Piazza, uma banda de rock, sim, mas um rock diferente, com uma marca melódica única.

Calcado principalmente nas canções que compõem o primeiro cd da banda, o show também contou com algumas músicas inéditas - testes para o próximo cd, que deve ser lançado no ano que vem.  Um repertório divertido, autoral e bastante agitado, feito para o público cantar junto e se deixar levar.

A presença de palco dos integrantes era incrível. Os dois vocalistas, Rodolfo e Lucas, conversaram o tempo todo com a plateia, sempre animados e dispostos. E se baterista e tecladista não tinha um microfone pra falar, nem por isso sua animação foi menos presente.

A verdade é que estar lá era sentir-se parte daquele momento. Era um show, sim, com música de qualidade, cuidado e preparo. Mas podia ser também uma grande reunião de amigos tocando juntos, em que você sentia-se convidado a tomar parte no grupo e liberar o rock'n'roll e a diversão que estava dentro de si!

Pra completar o clima, duas participações especiais: o guitarrista Luiz Waack, que produziu o cd da banda e Mauricio Pereira, grande saxofonista, que participaram em duas músicas do show cada.

Diversão, amizade e muita alegria. Quatro grandes músicos mostrando que o rock pode sim ser feliz.

Da esq. pra dir.: Lucas Espíndola, Bruno Piazza, Rodolfo Rodrigues e Gabriel Alterio. Foto: Carol Haddad.

por Isa Leite

Comentários

  1. Deu até mais vontade de ter estado lá. #FicouParaPróxima #ParabénsMlks

    ResponderExcluir

Postar um comentário